EBI de S. Martinho do Campo no Parlamento dos Jovens

DESTAQUE

A participação da escola no programa Parlamento dos Jovens, este ano subordinado ao tema “Fake News”: que estratégias para combater a desinformação?” – reportagem de Ana Filipa Coelho, aluna do 9º ano. 

No início deste ano letivo, no âmbito da disciplina de Cidadania e Desenvolvimento foi proposto a todos as turmas do nono ano de escolaridade a participação no Programa Parlamento dos Jovens cujo tema era “Fake News: que estratégias para combater a desinformação?”.
O tema pareceu-nos, desde logo, atual e muito interessante motivando-nos para uma pesquisa e debate mais aprofundado sobre o mesmo. A participação neste projeto implicou o conhecimento e cumprimento de um rigoroso Regimento que regula as diferentes fases do Programa (Sessão Escolar, Sessão Distrital, Sessão Nacional).

Sessão Escolar

Nesta primeira fase cada turma criou uma lista, e cada lista apresentou três medidas que entendia serem as mais adequadas no combate às Fake News. De salientar, que a coordenadora do Programa, a professora Isabel Gonçalves convidou a deputada Sofia Andrade para uma sessão de esclarecimento para todos os alunos participantes no programa sobre a dinâmica da Assembleia da República, o significado do mandato parlamentar, as regras do debate parlamentar e o processo de decisão do Parlamento, enquanto órgão representativo de todos os cidadãos portugueses. A senhora deputada esclareceu também sobre o tema, promovendo uma reflexão e um debate bem participado com todos os discentes. Este processo seguiu-se de uma campanha eleitoral e eleições de onde saíram os vinte e seis deputados eleitos para a Sessão Escolar. A Sessão Escolar teve por objetivo aprovar o Projeto de Recomendação do nosso agrupamento e eleger os respetivos deputados à Sessão Distrital/Regional: Luís Pimenta, Matilde Barbosa e Ana Filipa Coelho.

Deputados eleitos na Sessão escolar

 Sessão Distrital

A Sessão Distrital do Porto realizou-se nos dias vinte e oito e vinte e nove de março no Fórum Cultural de Ermesinde reunindo cinquenta e quatro escolas representativas deste Círculo Eleitoral. No primeiro dia os deputados foram acompanhados pela professora Felisbela Ribeiro e no segundo dia foram acompanhados pela professora Isabel Gonçalves, a coordenadora do programa no nosso agrupamento.

O primeiro dia iniciou-se com um momento cultural protagonizado pela Academia de Música de Costa Cabral, e seguiu-se pelo momento de perguntas Carlos Brás, deputado da Assembleia da República.

Este dia caracterizou-se essencialmente pela fase de debate. Todas as escolas tiveram a oportunidade de defender com convicção as suas medidas. De seguida decorreu a eleição do projeto base, para isso cada deputado efetivo pôde votar em cinco escolas; dessa eleição saiu vencedor o projeto base do Externato de Camões. Ainda neste dia os deputados foram divididos em grupos de trabalho para melhorarem o projeto eleito.

O segundo dia caracterizou-se pela fase de votações. No entanto ainda houve um tempo de debate. Continuados os trabalhos, seguiram-se as votações de onde surgiu o Projeto de Recomendação definitivo do Círculo Eleitoral do Porto. Posteriormente, elegeram-se as escolas que iriam representar o Círculo Eleitoral do Porto na Sessão Nacional. Foram eleitas cinco escolas efetivas: Externato de Camões, Colégio Casa Mãe, Escola Secundária de Penafiel, Escola Básica de São Martinho do Campo e Escola Secundária de Castêlo da Maia.

Foi também eleita Sofia Cardoso Rocha do Externato de Camões como porta-voz do Círculo Eleitoral do Porto.

Neste dia de muitas emoções, em que o nosso agrupamento conseguiu passar pela primeira vez à Sessão Nacional, os trabalhos foram encerrados com um discurso inspirador de Julieta Sampaio “mãe” do Programa Parlamento dos Jovens.  

Sessão Nacional

A almejada Sessão Nacional ocorreu nos dias nove e dez de maio. Partimos da escola muito bem-dispostos acompanhados pela professora Isabel Gonçalves.
Chegamos à Assembleia da República pelas 13h e 30m fomos recebidos com um lanche de boas vindas e logo depois fomos encaminhados para as salas das Comissões onde os deputados iniciaram os trabalhos.

Dado que o Círculo Eleitoral do Porto tinha dez deputados foram separados em duas comissões. Assim estiveram quatro deputados na primeira comissão onde puderam questionar os outros Círculos Eleitorais sobre as suas medidas e ainda seis deputados na terceira comissão (onde estava inserida a porta voz do Círculo do Porto), lugar onde foi realizada a defesa do projeto base. Na terceira comissão foram ainda elaboradas as perguntas que este Círculo Eleitoral colocaria aos deputados da Assembleia da República no dia seguinte.                 
Os trabalhos deste primeiro dia foram encerrados com as votações dos Projetos de Recomendação que cada comissão aprovaria para serem debatidos no dia seguinte. Entre todas as comissões foram aprovadas quinze medidas que foram debatidas/votadas, a fim de ser redigido o melhor Projeto de Recomendação para futuramente ser debatido na Assembleia da República.  
Para terminar este primeiro dia de intensa atividade os jovens deputados foram presenteados com um belo momento musical na lindíssima sala do Senado.
No dia dez, a abertura solene do Plenário na sala do Senado foi iniciada com um discurso do Presidente da Assembleia da República, Augusto Santos Silva, seguido das intervenções do Ministro da Educação, João Costa e da Vice-Presidente da Comissão da Educação e Ciência, Deputada Carla Castro.                                                          
Este momento foi sucedido pelo tempo de perguntas aos deputados da Assembleia da República. Cada Círculo Eleitoral dispôs de um minuto para colocar a sua pergunta aos senhores deputados da Assembleia da República. Por sua vez, cada deputado dispôs de dois minutos para dar resposta às questões colocadas.
Os trabalhos da manhã foram encerrados e todas as delegações foram agraciadas com um simpático almoço no Refeitório dos Monges, em que todos os participantes puderam socializar descontraidamente. Durante esta pausa, tivemos a companhia de Sofia Andrade, deputada nossa conterrânea e antiga aluna do nosso agrupamento, que muito bem nos recebeu, na Assembleia da República.                         
Regressados do almoço, na parte de tarde os trabalhos foram retomados com as votações para a determinação do Projeto de Recomendação Final. Por fim, a Sessão Nacional do Parlamento dos Jovens foi encerrada com um discurso emotivo do porta-voz de cada Círculo Eleitoral. Quanto a nós, deputados do Agrupamento de Escolas de S. Martinho, era notória a felicidade e a satisfação de cada um por ter podido ter uma voz ativa na cidadania do nosso país e por ter tido o privilégio ser deputado por dois dias!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

1 + 20 =