[Opinião] Que propostas para 2020-2030?

Com as eleições autárquicas já marcadas para o dia 26 de setembro e com os candidatos a presidente de câmara decididos, com exceção do independente Henrique Pinheiro Machado, faltam ser definidos os candidatos à Assembleia Municipal por parte da coligação PSD/CDS e do partido Chega.

Quanto aos candidatos a presidentes de junta de freguesia somente o PS deu conhecimento das decisões para as 14 freguesias e uniões de freguesia.
A coligação PSD/CDS tem vindo a divulgar algumas das suas opções desconhecendo-se ainda os candidatos a Vila Nova do Campo, Rebordões, Monte Córdova, U. F. de Carreira/Refojos, U. F. de Lamelas/Guimarei e a Água Longa. É notório que é na zona do Vale do Leça que a coligação PSD/CDS tem encontrado mais dificuldades!

Entretanto, na freguesia de Agrela onde vai surgir, apoiado pelo PS, um Movimento Independente com base em autarcas que no presente mandato integram as listas do PSD, foi recentemente apresentada, de surpresa pela coligação PSD/CDS, a candidatura de Joaquim Ferreira a presidente de junta. Para Monte Córdova, onde a situação é semelhante à de Agrela, tem-se especulado sobre o candidato da coligação PSD/CDS sem que até agora se conheça a opção tomada, sendo certo que José Maria Silva não vai ser novamente o candidato do PS já que, entretanto, surgiu o Movimento Independente de Monte Córdova, liderado pela atual presidente de junta eleita pelo PSD, Andreia Correia, também com o apoio do PS como na Agrela.

É natural que sejam necessárias as definições das listas autárquicas para que os candidatos possam auscultar as populações e possam redigir os programas definitivos com novas ideias e propostas inovadoras que sustentem a afirmação política dos novos protagonistas.

Castro Fernandes

A CDU apresentou já os candidatos João Castro a presidente da U. F. de Vila Nova do Campo e de Filipa Peixoto a presidente da junta de Vilarinho desconhecendo-se os restantes candidatos às juntas de freguesia. O Bloco de Esquerda apresentou o candidato Paulo Jorge Oliveira à U. F. Santo Tirso, Santa Cristina, S. Miguel do Couto e Burgães aguardando-se a divulgação dos restantes candidatos às juntas de freguesia.
Quanto ao Chega, no passado dia 10 de Junho foi divulgada a candidatura de Ivo Fernandes a presidente da junta de Vila Nova do Campo, aguardando-se também as restantes candidaturas.

No que diz respeito à chamada pré-campanha eleitoral a mesma já está lançada no terreno através dos já tradicionais outdoors, dos artigos de opinião, da divulgação de ações nas redes sociais e mesmo através de cartas de apresentação enviadas pelo correio. Quanto à chamada apresentação de candidaturas somente o PS, que já tem definidos os candidatos a presidentes da câmara municipal, da assembleia municipal e das juntas de freguesia, ainda não fez qualquer apresentação pública o que poderá decorrer da pandemia e/ou da hipótese de aguardarem a votação da constituição completa das listas para os órgãos autárquicos, nomeadamente para a vereação municipal, sempre importante, e para os membros da assembleia municipal.

Muito se tem falado de listas e pouco se tem sabido dos programas eleitorais sendo que alguns partidos já têm aberto o debate com algumas propostas. É natural que sejam necessárias as definições das listas autárquicas para que os candidatos possam auscultar as populações e possam redigir os programas definitivos com novas ideias e propostas inovadoras que sustentem a afirmação política dos novos protagonistas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.