“Cois’Art” quer dar a conhecer os artistas de Vila das Aves

Criado a partir da junção de ideias de três amigos artistas, além de dar a conhecer diversos artistas, da escultura à pintura, passando pelo bordado, o evento pretende dinamizar um espaço central de Vila das Aves.  Cois’Art realiza-se a 11 de dezembro, na “Ah Coisas- concept store”, nas Fontainhas.

No próximo dia 11 de dezembro a ‘Ah Coisas- concept store’ em Vila das Aves é invadida por interpretes dos mais variados ramos de expressão artística, com uma exposição e mercado das diversas obras de arte criadas pelos mesmos. O Entre Margens foi conversar com os impulsionadores do evento, João Costa, Sofia Pimenta e Cláudia Andrade para perceber em que consiste e como foi projetado.

Muitas são as ideias que começam numa mesa de café e por lá ficam. Com o Cois’Art a história é diferente. João Costa e Sofia Pimenta são dois amigos com uma paixão pela pintura que, numa das muitas conversas no ‘Ah Coisas’ pensaram que seria “giro” exporem os seus trabalhos. “Puxaram” Cláudia Andrade para a mesa e formaram a trifecta que começou a “magicar” como seria o evento.

“Começou de forma muito espontânea”, apontou João Costa, um dos impulsionadores do evento. Da naturalidade da relação entre os três amigos surgiu o Cois’Art, um evento que pretende juntar diversos interpretes do mundo das artes num só espaço, dando-lhes palco para mostrarem e venderem as suas criações, dinamizando todo o espaço envolvente do evento.

Da ideia à concretização foi um ápice. Hélder Sousa, responsável pela Ah Coisas, aceitou a sugestão e em agosto de 2020 nascia a I edição do Cois’Art com cinco artistas. Em 2021, o processo foi semelhante, mas a necessidade de expandir o projeto era inevitável. Além da pintura, passando pela ilustração e escultura, expressões artísticas presentes a primeira edição, este ano o evento terá também bordado, cerâmica e música ao vivo, contando com a presença de sete artistas. “A ideia é criar no interior da loja uma espécie de corredor artístico”, idealizou Cláudia Andrade. A intenção mantém-se a mesma: dinamizar o espaço, mas também mostrar o trabalho dos artistas de Vila das Aves e arredores.

“Da ideia à concretização foi um ápice. Hélder Sousa, responsável pela Ah Coisas, aceitou a sugestão e em agosto e em agosto de 2020 nascia com cinco artistas. A edição deste ano está marcada para este sábado”

“Há muitos artistas em Vila das Aves que ainda não são tão conhecidos ou que ainda não tiveram forma de dar o seu trabalho a conhecer, exatamente porque não há muitas iniciativas destas”, explicou a ilustradora, Cláudia Andrade.

Ainda que o evento esteja em fase embrionária, a expansão do ‘Cois’Art’ é um dos objetivos. Embora longínquo, o futuro poderá passar pela criação de um “mini festival artístico multidisciplinar”, lançou para a mesa, João Costa.

O Cois’Art decorre este sábado, dia 11 de dezembro, nas Fontainhas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.