Santo Tirso, Famalicão e Vizela autorizam realização de feiras semanais

Governo passou responsabilidade da decisão para os municípios que, na região, têm dado luz verde a feiras e mercados, apelando ao cumprimento rigoroso das medidas de segurança. Feira de São Martinho do Campo realizar-se-á, como habitual amanhã, quarta-feira.

Afinal, feiras e mercados vão poder continuar a atividade. Depois da suspensão da atividade no âmbito das restrições impostas pelo Conselho de Ministros extraordinário do passado dia 31 de outubro, o Governo criou um regime de exceção atribuindo aos municípios a responsabilidade da decisão. Santo Tirso, Famalicão e Vizela já se mostraram favoráveis à sua realização.

No caso do concelho de Santo Tirso, a câmara autoriza tanto a Feira Municipal que se realiza à segunda-feira em Santo Tirso, como as feiras semanais de Vila das Aves e Vila Nova do Campo, que acontecem, respetivamente, ao sábado e à quarta-feira, a realizaram-se de acordo com as regras sanitárias e de segurança impostas pelas autoridades de saúde. 

“O nosso entendimento é que há condições para garantir o cumprimento das orientações definidas pela Direção-Geral de Saúde, pelo que não há razão para proibir a realização das feiras no nosso município” explica Alberto Costa, salientando que, desde a reabertura das feiras, em maio, “a câmara tem estado vigilante e colocado equipas de fiscalização no terreno que agora serão reforçadas”.

“Temos que assegurar um equilíbrio difícil, por um lado reduzir os riscos de contágio da covid-19 e, por outro, garantir condições para o desenvolvimento da atividade económica e a manutenção dos postos de trabalho”, acrescenta.

Feira de São Martinho do Campo realizar-se-á, como habitual, já amanhã, quarta-feira, de acordo com o anúncio feito pela junta de freguesia de Vila Nova do Campo.

Em Famalicão, Paulo Cunha, autarca, autorizou a realização da Feira Semanal de Vila Nova de Famalicão e o funcionamento do Mercado Municipal por estarem “verificadas e acatadas as condições de segurança e o cumprimento das orientações definidas pela Direção Geral de Saúde”. O mesmo acontece com as feiras e mercados realizados nas freguesias de Joane, Landim, Oliveira S. Mateus e Riba de Ave.

A câmara famalicense assinala que “será solicitado à Polícia de Segurança Pública e à Polícia Municipal um reforço do seu dispositivo de prevenção e fiscalização da utilização de máscara no espaço público por parte dos consumidores e vendedores, verificação do distanciamento social e demais medidas de segurança definidas quer no Plano de Contingência, quer nas orientações da Direção Geral de Saúde.”

Em Vizela, a autarquia local, decidiu também autorizar a realização das feiras semanais de quinta-feira e sábado, mostrando-se compreensiva com as preocupações manifestadas pelos feirantes. 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.