CHMA confirma dois casos suspeitos, um deles invalidado

Centro Hospitalar do Médio Ave confirmou a existência de dois casos suspeitos, ontem, em Famalicão. Um dos casos foi encaminhado para hospital de referência, outro foi invalidado.

Em comunicado, o Centro Hospitalar do Médio Ave confirma três instâncias com casos suspeitos de infeção por coronavírus. A primeira ocorreu no domingo no Serviço de Urgência da Unidade de Santo Tirso, tendo sido “atendido um utente que referiu contactos com casos suspeitos e manifestou sintomas compatíveis com infeção por coronavírus. Foi acionado o protocolo definido pela DGS e o utente foi encaminhado para um hospital de referência. O CHMA foi entretanto informado de que o resultado da análise foi negativo.”

Ontem, terça-feira, dia 10 de março, foram registados dois casos suspeitos  no Serviço de Urgência Médico-cirúrgica da Unidade de Famalicão. “Com o primeiro o atendimento decorreu de forma semelhante ao caso de Santo Tirso, tendo o utente explicado as suas suspeitas e, de acordo com o protocolo, sido encaminhado para o hospital de referência. No segundo caso, a suspeita levantada ao fim da manhã viria, ao fim do dia, a não ser validada.”

O Centro Hospitalar informa ainda que, por precaução, “os dez profissionais com quem estes utentes contactaram foram dispensados do seu trabalho, aguardando nas suas casas os resultados da avaliação dos dois casos.O Centro Hospitalar informa ainda que, “por precaução,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.