Depressão Elsa deixa 7 desalojados em Santa Cristina do Couto e ocorrências por todo o concelho

Queda de cinco árvores numa casa em Santa Cristina do Couto faz 7 desalojados. Em toda a região os efeitos da depressão Elsa tem causado danos avultados. Estrada da Assunção está cortada ao trânsito para serem efetuados trabalhos de limpeza. Estacionamento da estação de comboios de Santo Tirso fechado por precaução.

A passagem da depressão Elsa está desde a noite de quarta-feira, 18 dezembro, a fazer estragos um pouco por toda a região. O incidente mais grave ocorreu em Santa Cristina do Couto onde a queda de cinco árvores e desalojou 7 pessoas, destruindo o telhado da habitação e duas viaturas.

Segundo a câmara municipal, o Serviço de Ação Social está a acompanhar a família que foi realojada numa unidade hoteleira do município e a prestar todo o apoio necessário. Durante a manhã de hoje, foi realizada uma vistoria de segurança à habitação. Este serviço está também a acompanhar as restantes ocorrências que provocaram danos em habitações.

Até às 7h da manhã desta quinta-feira, foram registadas cerca de 90 ocorrências um pouco por todo o município de Santo Tirso. Em causa estão, sobretudo, quedas de árvores, de postes de eletricidade e de comunicações e pequenos deslizamentos de terra. Neste momento, a estrada da Assunção está cortada ao trânsito. Situações similares registam-se um pouco por todo o concelho.

A estação CP de Santo Tirso ao início da tarde de quinta-feira

Devido às condições meteorológicas adversas e com o agravamento previsto ao longo do dia de hoje, nomeadamente a forte precipitação que se irá sentir entre as 15h e as 21h, a câmara de Santo Tirso decidiu encerrar o parque de estacionamento localizado junto à estação de caminhos de ferro.

O espaço estará encerrado como medida de precaução, face à possibilidade da subida do caudal do rio Ave e potencial inundação do parque de estacionamento, podendo causar danos nas viaturas aí estacionadas.

Imagem do leito do rio Ave nas traseiras do Mosteiro de São Bento durante a tarde de hoje.

“A Câmara de Santo Tirso apela à calma de toda a população. Os incómodos causados pela passagem da Depressão Elsa são evidentes, mas os meios operacionais estão no terreno, desde Corporações de Bombeiros, Forças de Segurança (GNR, PSP e PM), Serviço Municipal de Proteção Civil, incluindo vários piquetes da Comissão Municipal de Proteção Civil da Câmara de Santo Tirso. Em nenhuma das ocorrências, há registo de feridos, apenas de danos materiais”, fez saber a autarquia em comunicado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.